O Portal entre os Mundos no Dia dos mortos

Portal entre os mundos no dia dos mortos. Foto: Mirian Yamaguchi em Viagem ao Japõo, 2019

Tradições Ancestrais de diferentes localidades celebram a abertura do Portal entre os Mundos no dia dos mortos e dias que antecedem.

Assim, o dia das bruxas, dia de todos os Santos, dia dos Mortos, são datas muito próximas confirmam que a comunicação entre os mundos era celebrado por diferentes culturas.

Por exemplo, diz a lenda Maia que há muitos mundos abaixo e acima do nosso, simbolizando territórios habitados por seres com mais ou menos consciência do que nós humanos.

Eles acreditam que ao longo do ano os portais permanecem fechados para que cada grupo possa vivenciar suas próprias experiências de forma reservada.

Porém, neste período do ano, todas as portas são abertas, e há permissão de trânsito livre entre os mundos.

Portal entre os Mundos como uma linda metáfora

Muitos consideram as datas atribuidas no ano para diferentes celebrações como lindas metáforas.

Outros agregam tradições e rituais religiosos ou culturais.

O dia dos mortos é celebrado como uma oportunidade de receber a visita das pessoas que já partiram para outro plano.

Assim, neste dia não somente os cemitérios, mas as casas, a rua, o comércio, são enfeitados com flores.

As portas das casas permanecem abertas, e as mesas são postas, como alimentos que agradavam às pessoas que faleceram.

E uma linda festividade é realizada, simbolizando a receptividade à visita do ser querido, e sua memória é relembrada com carinho.

woman in pink long sleeve shirt wearing sunglasses
Abrindo o portal entre os mundos, Katrina, personificação da morte como uma forma de ressignificar o relacionamento com a vida. Photo by Miguel Gonzalez

México, uma diferente perspectiva

Pessoalmente aprendi muito sobre o relacionamento com a morte a partir da visão de toda uma cultura, no México.

Desta forma, personificar a morte e dar a ela um nome e características humanas,

E também brincar e lembrar que nascimento e morte são dois polos da nossa existência terrena.

Assim, saber que há um portal de comunicação entre os mundos, mesmo depois do “fim” dá um novo sentido a este relacionamento.

red lighted candle on dark room
No dia dos mortos, celebra-se o portal entre os mundos. Photo by Paul Torres on Unsplash

Práticas para o dia dos mortos

É recomendado neste período uma certa reverência, com momentos de introspecção e percepção.

Assim, as práticas recomendadas são aquelas que nos permitem estarmos mais atentos, alertas para possiveis “comunicações” e interações entre os mundos.

Pode-se observar sensações, sonhos, energias diferentes.

Assim como memórias, lembranças, e outras experiências sutis também podem ser vivenciadas.

Em todos os casos, o convite é para a receptividade, e para a compaixão.

Assim recomenda-se receptividade às energias mais sutis e harmoniosas, e Compaixão por aqueles que talvez ainda não tenham alcançado a Paz.

Uma nova visão sobre os rituais

Antigos rituais podem ganhar um novo sentido quando atribuimos novos significados a eles.

Assim, a prática de acender uma vela, fazer uma oração, entoar um mantra, ou enfeitar a casa com flores pode ser renovada com a sinceridade do ato.

Mais do que repetir uma tradição, podemos “pegar carona” nos frutos da prática de muitas e muitas pessoas ao longo do séculos.

Veja mais em:

Dicas para estes dias

Boas dicas para estes dias são aquelas que nos colocam alertas, centrados, como se realmente fôssemos receber visitas ilustres.

Por exemplo, ter atenção e compaixão para a possivel visita de energias densas, para que possam ser limpas rapidamente do nosso campo.

E a serenidade da Gratidão por ter vivido momentos importantes e de ternura ou aprendizado com as pessoas que passaram pela nossa vida.

Portal aberto durante todo o ano com a Hipnose Natural

Durante todo o ano pode-se desfrutar da comunicação entre os mundos com práticas com a Hipnose Baseada na Sabedoria Universal.

Deviso ao fato de ter nascido no México, essa linha terapêutica utiliza algumas metáforas da cultura Maia, e nos permite fazer este trabalho protegido.

Com um terapeuta habilitado é possível vivenciar esta possibilidade

Consulte seu médico ou psicólogo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: